2ª Conferência de Distrito de Viana

2ª Conferência de Distrito de Viana

Comunicados da Imprensa

Nos passados dias 17 e 18 de Junho realizou-se a 2ª Conferência de Distrito de Viana, celebrando também um ano de existência desse então, mais novo distrito da capital do país.

O foco dos discursos de sábado girou à volta  da importância de colocar a  vida em ordem, a importância das professoras visitantes, a responsabilidade dos Pais e como o arrependimento real dos membros, pode ajudar no crecimento da Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos em Angola.

Para poder ter a  vida em ordem devem-se fazer e manter convénios com o Pai Celestial e  honrá-los. A dignidade é o maior requisito para obter a vida eterna e,  uma recomendação para o Templo, deve ser uma meta de qualquer ,membro da Igreja SUD.

O Presidente da Missão Angola, Deneslson Silva, frisou que existem muitos mitos relativamente ao arrependimento que impedem-nos de usufruir do poder da expiação de Cristo. Esses mitos são criados por nós quando achamos que não somos dignos do amor de nosso querido Pai Celestial. Apesar do Pai Celestial não tolerar o pecado, Ele ama cada um de nós e está sempre disposto a perdoar-nos e  ajudar-nos a andar no caminho da retidão mas tudo depende de cada um  e de sua fé.

O Presidente Silva também relembrou que para estabelecer a Igreja num alicerce seguro, precisam focar nas seguintes metas:

  • Observar o Dia do Senhor  e participar das reuniões sacramentais e fazendo actividades que  façam os membros estar mais próximos de Deus e de seu filho Jesus Cristo, mantendo-se com o Espírito Santo ao longo do dia.
  • Fazer actividades salutares com a família, desde noites familiares, conselhos de família, bem como saídas em família em passeio e divertimentos salutares.
  • Buscar a Autossuficiência assumindo  as responsabilidades de trabalho para melhorar a vida.
  • Incentivar jovens a servir uma missão de tempo integral
  • Fazer metas de frequentar o templo.

Na sessão geral da manhã de Domingo os discursantes incidiramram nas evidencias dos sinais dos últimos tempos, na virtude que cada moça SUD deve ter, na decisão de servir uma missão, na importância da Lei do Dízimo, na importância de permanecer firmes, no valor de uma alma e por fim, na importância de estabelecer a igreja no coração dos homens.

O Presidente do Distrito de Viana, Isidro Baptista, falou que se deve prestar atenção aos sinais dos últimos dias tal como a escritura que fica em 2 Timóteo 3. Apesar de estarem  empenhados nos trabalhos diários, deve-se priorizar a vida espiritual e a família. Devendo  analisar como tratar o próximo e livrar-se do orgulhoso que impede a aquisição de mais sabedoria e  do verdadeiro conhecimento. O presidente Baptista também mencionou que não devem levar o evangelho de forma mecânica e leviana, devem sim viver com espírito de serviço.

A segunda oradora Telinha Cachombo focou na virtude que todo o membro deve ter. Com base na sua experiência sendo membro da classe das moças, Telinha frisa que devem ter uma mente pura e integra e que ao serem assim poderem usufruir dos prazeres da vida, respeitando os valores e princípios da Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias. A fé dos membros deve ser inabalável e tal como a tocha que é o emblema das moças, devem servir de testemunhas de Cristo em todos os momentos e em todos os lugares, sem receio do futuro. Telinha finalizou seu discurso dizendo que a beleza exterior deve ser o reflexo da beleza interior.

Adimaldo Silva foi o terceiro orador e o mesmo focou na sua decisão de servir uma missão. Adimaldo mencionou escrituras de Doutrinas e Convénios 123 para que fizéssem a reflexão dos motivos pelos quais cada jovem deve servir uma missão de tempo integral e, Doutrina e Convénios 100 sobre a promessa que o Senhor dá as famílias dos que irão servir uma missão. Não importa o país para onde irão servir pois o Senhor os enviará para o lugar onde sua presença será essencial e, tal como diz em Doutrina e Convénios 4 o requisito especial é ter o desejo de servir. Para finalizar Adimaldo relembra da recompensa que o Senhor irá dar que é a vida eterna tal como diz em Lucas 18:30.

A quarta oradora foi a irmã Marcela Nascimento que elaborou o seu discurso voltada para a Lei do Dízimo e a sua importância.  Marcela, relembrou os presentes que tudo o que têm é do Senhor pois sem Ele nada seria possível, Ele somente pede 10% dos lucros para que pratiquem os atributos de honestidade ao pagarmos o dízimo de forma a evitar o egoísmo e a ociosidade.

Esta mesma percentagem retorna aos mesmos pois em Doutrina e Convénios 120 diz que em conselho a primeira presidência se reúne em espirito de oração, focando nos desejos do Senhor decide onde este mesmo dinheiro irá ser colocado, como: construção de templos, impressão de escrituras, etc. E as bênçãos são inúmeras“…Trazei todos os dízimos à casa do tesouro, para que haja mantimento na minha casa; e prova então com isto,diz o Senhor dos Exércitos, se eu não vos abrir as janelas  do céu e não derramar sobre vós uma bênção tal, que não haja espaço suficiente para recebê-la.” 3 Nefi 24:10.

Denílson Garcia foi o quinto orador e o seu discurso focalizou na importância de permanecerem  firmes no evangelho de Cristo. A firmeza os ajuda a  aperfeiçorem-se no Senhor. Denílson também frisou que existe uma diferença entre permanecer na igreja e serem firmes na igreja. Ao permanecerem não aceitam nem magnificam os chamados, não oram nem lêm as escrituras com frequência e não dão importância de tomar o sacramento. Quando são firmes, os membros,vivem em constante harmonia com os ensinamentos e desenvolvem o testemunho e fé no Salvador, resistindo às tentações e provações.

A sexta oradora foi a Sister Silva que discursou sobre o valor de uma alma. Todas as almas são preciosas para o Senhor, portanto elas devem receber todo o  amor e atenção de cada um. Sister Silva também relembrou que devem ser persistentes com os seus  irmãos, amigos, familiares e conhecidos. Eles são importantes, portanto não devem desistir de ninguém. Todos devem ter o privilégio de viver e conhecer o evangelho de Jesus Cristo e como membros devem ajudá-los a ter tal conhecimento.

O sétimo e ultimo orador foi o Presidente Silva que, relembrou os membros da meta anual da área e da meta de obterem uma estaca. Para que possam realizar estas metas devem pelo menos ter uma referência e acompanhá-lo(a) e ler o Livro de Mórmon diariamente em espírito de oração e ponderar sobre o que lerem, durante o resto do dia.

Presidente Silva também frisou a importância de estarem protegidos contra o pecado. Somente estarão protegidos se mantiverem-se firmes no evangelho e obtiverem um testemunho forte no Salvador. Ao estudarem o Livro de Mórmon irão ouvir a voz do Espirito Santo, resistir às tentações, vencer a dúvida e o medo e, receberem ajuda do céu em suas vidas. A  sua proximidade  do Pai Celestial será maior se estudar o Livro de Mórmon e aplicar os Seus ensinamentos diariamente.

Durante o discurso o Presidente Silva falou que é uma grande bênção viver nesta época. Os seus benefícios são os seguintes:

  • A doutrina é clara sobre o poder de Satanás (ele somente tem poder se o permitirem)
  • O evangelho está restaurando ( através do  Sacerdócio têm  todas as chaves para a salvação)
  • Templos sagrados (podem fazer todos os convénios para  a exaltação)
  • Missão (todo o jovem que desejar servir poderá fazê-lo  no país para onde for chamado)
  • Tecnologia (podem aceder as escrituras sagradas e  outros livros maravilhosos pelo  telefone, tablet ou computador)

O Senhor diz que neste mundo irão ter muitas aflições, mas devem ter bom animo pois Ele venceu o mundo. No ultimo capitulo da vida quando o Senhor os julgar, somente os próprios poderão escolher de que lado estarão. A vida terrena é um estado probatório e compete a cada um trabalhar para ser aperfeiçoado, a vida de cada um deve ter um foco. A vida eterna tem que ser uma prioridade em nossas vidas.

O coro brindou os participantes com um maravilhoso hino terminando assim a conferência do distrito de Viana,  e no semblante dos participantes , a certeza de que retornaram a suas casas mais edificados.

Observação de Guia de Estilo:Em reportagens ou notícias sobre A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias, por favor utilize o nome completo da Igreja na primeira referência. Para mais informações quanto ao uso do nome da Igreja, procure on-line pelo nosso Guia de Estilo.